13/04/2019 | 14:29 | Correio do Lago
Mão-pé-boca interdita CMEI em Entre Rios do Oeste
Foto: Divulgação
O único Centro Municipal de Educação Infantil - CMEI – de Entre Rios do Oeste, deve ser interditado de imediato em razão de epidemia da doença conhecida como “Mão-pé-boca”, uma virose bastante contagiosa que atinge principalmente crianças de até 05 anos. Segundo informado ao CL pela comunidade, a Vigilância Sanitária de Toledo é que teria pedido a interdição.

Uma nota publicada no Facebook da prefeitura convocando os pais ou responsáveis para reunião hoje (11), às 18h15, deixou apreensivas as famílias dos alunos, que teriam recebido a informação de que o CMEI ficaria fechado para desinfecção entre 7 e 10 dias. 

A nota convoca em nome da Secretaria de Saúde e de Educação, mas a comunidade reclama que as proporções podem ter saído do controle por falta de nomeação de uma pessoa ao cargo de Secretário de Educação, que seria responsável por alertar sobre os riscos da doença antes que ela saísse do controle. Embora no site oficial do município conste o nome da secretária de Educação, no Portal da Transparência não nos foi possível localizar o cargo nem o nome indicado como sendo da Secretária.

Alerta aos pais

Todo cuidado é pouco, pois o vírus encontra facilmente um caminho para infectar as crianças através de secreções das vias respiratórias, secreções das feridas das mãos ou dos pés e pelo contato com fezes dos pacientes infectados. Isso quer dizer que beijinhos, contato com catarro, dividir copo, brinquedos, roupas e objetos, por exemplo, podem espalhar a doença.

O vírus costuma contaminar na primeira semana, quando ainda está em um período de incubação, que leva de 3 a 7 dias. Normalmente a infeção é auto-limitada mas podem surgir complicações cardíacas (miocardiopatia, pericardite) e neurológicas (meningite viral, encefalite), potencialmente fatais.

Mas os pais devem estar mais preocupados com o grau de desidratação que essa virose pode levar. Um estudo diz que o problema mais comum é a desidratação secundária a odinofagia intensa causada por úlceras orais dolorosas. Tais sintomas devem ser tratados com analgésicos e hidratação oral (preferencialmente a ingestão de líquidos frios que são analgésicos).

Crianças não devem ir à creche ou à escola até todos os sintomas terem desaparecidos. Quando a Doença mão pé boca em adultos acontece, eles também devem faltar o trabalho.

Como o vírus ainda pode ser eliminado nas fezes mesmo após melhora dos sintomas, é importante lavar as mãos sempre. Isso, principalmente após ir ao banheiro, manusear fraldas sujas e antes de manusear comida.

Roupas comuns e roupas de cama podem ser fontes de contágio (principalmente se houver secreção das lesões da pele) e devem ser trocadas e lavadas diariamente. Brinquedos também devem ser lavados com frequência.
Participe do nosso grupo no WhatsApp clicando aqui
Envie fotos, vídeos, denúncias e reclamações para a equipe do Portal ClickMercedes.net pelo WhatsApp (45) 9 9813-2068 ou WhatsApp (45) 9 9947-9705.
ÚLTIMAS NOTÍCIAS